terça-feira, 8 de novembro de 2011

Arte de bem escrever II

Hoje vamos falar de um erro que aparece muuuuuuiiiiiiitas vezes: á ou à?
Qual delas pensam que está correta?
Muito bem, é a segunda. Para ajudar a memorizar, costumo dizer que sempre que o a está sozinho o acento é para trás, isto é, usa-se sempre um acento grave (para ajudar os meus alunos a distinguirem o acento grave do acento agudo, costumo dizer-lhes que andar para trás é uma coisa que ninguém quer, é uma coisa grave, como tal, quando o acento está voltado para trás, é chamado de acento grave).
Alguns exemplos:
Fui à casa da Maria.
Isto está mesmo à minha maneira!

Para fixar!
O acento grave só aparece em sete palavras portuguesas. São elas:

à
às
àquele
àqueles
àquela
àquelas
àquilo

Não há que enganar!

E assim se faz a arte de bem escrever!

4 comentários:

Paula disse...

Por acaso foi uma coisa que nunca me esquci dos tempos de escola, mas nunca é demais recordar!

Joanita disse...

Pior, ainda, é quando confundem o à com o há!!!

Bloguótico disse...

E assim se escreve... em bom português! :p

APO (Bem-Trapilho) disse...

Relembro que o meu primeiro livro é exatamente sobre esta temática. Uma sugestão lúdica para aprender de vez esta matéria. Recomendo a miúdos e graúdos! :) Porque nunca é tarde!!! :)
bjinhos